#012 - Radônio e a poeira radioativa

 
 
O objetivo deste desta postagem é mostrar a radioatividade da poeira nas proximidades do granito.


Este é um dos meus experimentos prediletos !

 Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

Ensaio da radioatividade de uma amostra de poeira da cozinha.
Fazendo vários ensaios, notei que a cozinha é o local mais radioativo aqui de casa e que o responsável é o granito da pia.
Mas, não é só isso, o mais interessante é que a poeira nas proximidades também fica mais radioativa.
 
Mas, porque a poeira da cozinha é mais radioativa?
 
O responsável por essa radioatividade é o granito da pia.
 
A pedra de granito da pia?
 
Sim, os granitos têm em sua composição, além do Potássio(*), traços de Urânio e Tório, bem como seus filhos, que os tornam radioativos.
 


Mas, como a poeira fica radioativa?
 
Um dos filhos do Urânio e do Tório é o gás radioativo Radônio.
Em particular o Radônio-222 gerado pelo Urânio por ser monoatômico, nobre e ter meia vida relativamente longa (3,8 dias), tem tempo para escapar pela porosidade natural do granito e contaminar a ar.
 
Como o Radônio pode contaminar a poeira ambiente sendo ele é um gás nobre?
 
Não contamina, na verdade são os filhos dele que contaminam.
 
Como isso acontece?
 
Quando o gás Radônio se desintegra emite uma partícula Alfa e transforma-se em Polônio-218.
O Polônio-218 por conta da perda de dois prótons e dois nêutrons (um núcleo de Hélio) fica momentaneamente carregado eletricamente.
Assim, ele vai grudar no que estiver por perto e as partículas de poeira são ótimas candidatas para essa união.
Por sua vez, o Polônio-218 que tem uma meia vida de 3,05 minutos também se desintegra transformando-se em Chumbo-214 (26,8 min) este por sua vez em Bismuto-214 (19,7 min) -> Polônio-214 (160 µs) -> Chumbo-210 (22 anos), etc.
Esses filhos do Radônio produzem radiações Alfa, Beta e Gama.
Dessa forma, a partícula de poeira vai ficar radioativa por um bom tempo.
 
Como foi obtida a amostra de poeira?
 
Colocando-se um pedaço de papel filtro no tubo de um aspirador de pó e aspirando-se o ar próximo ao granito por 30 minutos.





Essa radioatividade é perigosa?
 
Depende, atualmente para ser considerado perigoso o nível de Radônio em qualquer ambiente deve ser tal que gere acima de 9 desintegrações por litro de ar por minuto.
Se o ambiente for bem ventilado, dificilmente a concentração vai atingir valores perigosos.
Porém, em lugares muito frios, onde a ventilação pode estar comprometida, deve-se ter cuidados especiais para não ocorrer acumulo desse gás.


O vídeo e a foto mostram em primeiro plano a escala do contador Geiger-Müller que vai de zero até 1 µSv/h, portanto capaz de medir valores muito baixos de radioatividade, que projetei especialmente para esse tipo de experimento.
 
A válvula Geiger-Müller usada no experimento ( LND-712 ) é capaz de detectar a radiação Alfa, Beta e Gama.
A duração total do ensaio foi de 10 minutos, podemos ver na tela do osciloscópio que nos primeiros 170 segundos temos o gráfico gerado pela radiação de fundo.




Na sequência, o papel filtro com a amostra de poeira da cozinha foi colocado em frente da janela da válvula Geiger por outros 170 segundos, imediatamente o gráfico começa a subir e se manteve acima dos valores gerados pela radiação de fundo até que o papel fosse retirado.




Demonstrando de forma bem consistente que a poeira presa no papel é radioativa.
Este é apenas um de muitos outros ensaios, testei o papel filtro sem a amostra de poeira e também amostras de vários outros lugares, inclusive fora de casa.
 
Naturalmente, qualquer outro ambiente, onde exista uma quantidade relativamente grande de granito, estará sujeito a contaminação pelo Radônio.
 
(*) No Potássio existe um isótopo natural radioativo, o Potássio-40.
Porém, o Potássio-40 não produz o Radônio ou outros filhos radioativos.

Vídeo:

 https://www.youtube.com/watch?v=0Kb7mHgW_wo

 

Veja também:


A radioatividade do Granito

 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

#042 - Radioatividade do filamento da Magnétron #1

#037 - A radioatividade do Granito

#034 - Índice do Blog

#023 - Joule Thief

#038 - Chumbo na fumaça

#052 - Impressora Jato de Tinta

#046 - Kit de Química da John Adams