Postagens

Zinco nos Alimentos

Imagem
 Índice do blog



Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

O zinco é essencial para o bom funcionamento do nosso sistema imunológico.

Zinco em alguns alimentos (mg/100g) (1): 

Germe de trigo.......................17,8 
Levedura seca........................8,00 
Fígado de porco......................6,78    
Carne bovina..........................5,80 
Caju torrado...........................5,60 
Semente de gergelim................5,50
Ovo de galinha seco.................5,43 
Farinha de soja........................5,00 
Carne de porco........................4,90
Carne bovina...........................4,80 
Queijo mussarela.....................4,50 
Castanha do Pará.....................4,20  
Leite em pó desnatado..............3,75
Gema de ovo de galinha............3,74
Fígado de boi..........................3,70 
Lentilhas secas........................3,06 
Aveia laminada........................2,99 
Fígado de galinha.....................2,90 
Leite em pó integral..................2,80
Alho seco................…

Vitamina C no Umbu

Imagem
Índice do Blog

Ensaio da quantidade de vitamina C no Umbu.



Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

Teoria do ensaio:

A propriedade redutora da Vitamina C permite quantificá-la de forma relativamente simples.

Podemos titular a vitamina C usando a boa e velha iodimetria, ou seja, usando uma solução de iodo com a concentração conhecida. 

A vitamina C (ácido Ascórbico) reage com o iodo produzindo ácido dehidroascórbico e íons iodeto incolores.

Sabemos que um íon de vitamina C (ácido ascórbico) reduz dois átomos de iodo, transformando-os em íons iodeto incolores.

Assim, 1 mol de ácido ascórbico reage com 2 mols de átomos de Iodo e produz 2 mols de íons iodeto e 1 mol de íons de ácido dehidroascórbico.

Temos então que 176,13 gramas de ácido ascórbico reagem com 253,8 gramas de iodo.

Padrão de iodo:

Fazer uma solução usando 25 mg de cristais de iodo e 1 g de iodeto de potássio dissolvidos em água destilada suficiente para 25 mL.

Dissolver primeiro o iodeto em 10 mL de água, depois acrescentar os crista…

Etilenoglicol na Cerveja

Imagem
Índice do blog

O objetivo desta postagem é mostrar um método para detectar etilenoglicol na cerveja.

Escrito e desenvolvido por Léo Corradini



O etilenoglicol (1) pode ser usado como aditivo na água usada na refrigeração nas fábricas de cerveja.
Ele abaixa o ponto de congelamento da água, tornando o processo mais eficiente.

Teoria do ensaio:

O reagente clássico para os glicóis é o íon periodato.

O íon periodato reage com o glicol produzindo o íon iodato e formaldeído.
Então, podemos reagir a amostra com o periodato e em seguida podemos facilmente detectar o íon iodato.

O íon iodato reage com o íon iodeto, em meio ácido, produzindo iodo livre que pode ser facilmente detectado pelo amido. 

Porém, essa via tem um problema, uma pequena quantidade de iodato que possa vir no periodato dará um falso positivo no ensaio.

Assim, decidi detectar o outro produto da reação, ou seja, o formaldeído.

O formaldeído pode ser evidenciado usando a floroglucina.

A floroglucina reage com o formaldeído em meio alcalino p…

Por que o nome do blog é Potássio-40 ?

Imagem
Índice do Blog

Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

Em 1969, ganhei de uma colega de ginásio uma tabela periódica muito bacana.

Nela consta que o potássio é naturalmente radioativo, eu não sabia desse fato.



Nenhum professor ou texto que tinha lido até então afirmava isso, os elementos naturalmente radioativos que eu conhecia eram o urânio o tório e seus filhos.
Também conhecia o carbono-14, famoso das datações arqueológicas, ele é produzido o tempo todo na alta atmosfera pelas astropartículas.

Os reatores e explosões nucleares produzem uma infinidade de elementos radioativos, mas são todos artificiais.

A minha estranheza deveu-se principalmente pelo fato dele ser essencial a vida, temos cerca de 140 gramas de potássio em nosso organismo.

Então, decidi por conta própria, fazendo experimentos, desvendar se o potássio realmente é radioativo ou não passa de um erro de impressão.

Hoje, sabemos que no Potássio existe 0,012 % de um isótopo radioativo natural, o Potássio-40, sua meia vida é 1,26 b…

Detectando o Radônio # 2

Imagem
Índice do Blog

O objetivo desta postagem é mostrar o ensaio da radioatividade no fluxo de ar.


Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

O ensaio consiste em passar um fluxo de ar pela válvula Geiger, minha expectativa era que o valor da radioatividade fosse maior que a radiação de fundo.

Teoria do ensaio:

O gás radônio e seus filhos provenientes de solos e rochas estão presentes na atmosfera.

No ambiente doméstico, eles são produzidos principalmente pelos granitos.

A renovação constante do ar, e consequentemente dos materiais radioativos no entorno da válvula Geiger poderiam aumentar as contagens de radiação.

Montagem do ensaio:


Coloquei uma ventoinha de fonte de PC no interior de uma caixa de polipropileno soprando o ar para fora através de uma abertura.



Fiz outra abertura com o tamanho um pouco maior que a válvula Geiger no lado oposto.  


Assim, quando a ventoinha for ligada, haverá um fluxo contante de ar pela válvula.


Foram dois ensaios de 24 horas cada na cozinha, um com a ventoinha ligada e …

Polaridade do Polônio # 1

Imagem
Índice do Blog

O objetivo desta postagem é mostrar o primeiro ensaio para determinar a polaridade da carga elétrica do átomo de polônio-218 no momento de seu nascimento a partir da desintegração do radônio-222.



Escrito e desenvolvido por Léo Corradini

Quem acompanha este blog certamente já leu que o radônio-222, pela emissão de uma partícula Alfa, transforma-se em polônio-218 que fica momentaneamente carregado eletricamente.

A questão é: 

Qual a carga elétrica momentânea assumida pelo átomo de polônio?

Se ele perdeu dois prótons e dois nêutrons, podemos pensar que ele assume uma carga elétrica negativa por conta dos dois elétrons excedentes na eletrosfera.

Para investigar essa questão desenvolvi um experimento.

A estratégia adotada é medir a radioatividade nas proximidades de uma peça de metal carregada eletricamente, hora com cargas positivas e hora com cargas negativas.

Minha expectativa é que os átomos de polônio (1) recentemente formados no ar sejam atraídos preferencialmente para a peça d…

Gamagrafia do cátodo da SBM-20

Imagem
Índice do Blog

O objetivo desta postagem é mostrar o ensaio de gamagrafia do cátodo da válvula Geiger SBM-20 usando uma minúscula e segura fonte de radiação Gama de Amerício-241.



Escrito e desenvolvido por Léo Corradini





Veja o princípio de funcionamento da gamagrafia nesta postagem:
Gamagrafia
https://potassio-40.blogspot.com/2019/02/gamagrafia-01.html

A exposição deste ensaio teve duração de 21 dias e a distância da fonte de radiação até o filme foi de 30 mm.



Filme, depois de revelado:



Podemos ver o fio soldado ao terminal do cátodo e o selo de vidro por onde foi feito o vácuo e posterior enchimento com os gases em baixa pressão.   

Fiz essa gamagrafia como orientação para poder desmontar os terminais de cátodo e anodo da válvula, deixando somente os fios de conexão. 

Agora, eu sei onde serrar, com segurança, a isolação de baquelite.
Sem essa informação, haveria o risco muito grande de quebrar o bico de vidro de enchimento e perder a válvula.  

Minha intenção é futuramente fazer uma sonda de rad…